viagem

A passagem foi comprada com 4 meses de antecedência, decidimos que já era hora de voltar ao Brasil. Era grande a vontade de rever nossas famílias, amigos, matar a saudade da maravilhosa comida brasileira e do clima quente, claro. Havia também outros propósitos como o de fugir um pouquinho do inverno manx e aproveitar o verão brasileiro.

A Escócia é um daqueles países que surpreendem. Sempre tive vontade de visitá-lo por ver aquelas imagens maravilhosas em fotos e filmes e, logicamente, por querer ver de perto os famosos ícones escoceses como a gaita de fole, a fabricação de whisky, homens de saia xadrez (kilt), mal sabia eu que o melhor estava por vir.

A viagem foi feita de ônibus e, partiu de Coimbra, Portugal em direção à África. O trajeto passava pela Espanha até chegarmos ao Estreito de Gibraltar. Em Tarifa, última cidade espanhola, fizemos a travessia pelo estreito de ferry boat assistindo um maravilhoso pôr do sol no mar Mediterrâneo.

Sempre sonhei em viver em um lugar tranquilo, silencioso, cercado por natureza, sem o trânsito de cidade de grande, um lugar mais relaxado, semelhante às cidades de interior. Nunca imaginei que esse lugar dos meus sonhos seria bem frio e fora do Brasil.